TV por assinatura no Brasil é a mais cara do Mundo

TV por Assinatura | TV a cabo Vivo, Claro, Oi, SKY por R$ 49,95

 

Pessoal, os preços dos pacotes caíram, mas os pacotes individuais ainda estão muito caros, vejam este exemplo abaixo da Clarotv:
contratação clarotv pacote

R$ 656,63 (Você não leu errado, é seiscentos e cinquenta e seis reais e sessenta e três centavos). Caro, muito caro! A Ancine publicou em seu site um estudo comparativo sobre o mercado de TV por assinatura no Brasil e em outros seis países. O levantamento usa como base o valor dos pacotes mais acessíveis das operadoras no mês de fevereiro/março de 2012, comparando o preço cobrado pelo serviço. Enquanto um assinante de TV português paga em média o equivalente a R$ 38 por uma assinatura, o brasileiro desembolsa mais de R$ 78 por um pacote semelhante. A Argentina vem logo atrás do Brasil, com um custo médio de R$ 74.

O preço mínimo por canal no Brasil é R$ 1,74, enquanto que o máximo chega a R$ 3,74, ante os valores de R$ 0,86 e R$ 0,89 na Argentina. Novamente o Brasil lidera o ranking dos países estudados. Vale a pena mencionar, no entanto, que em 2019 estes valores eram de R$ 1,9 e R$ 5,2, indicando um barateamento nos custos máximo e mínimo por canal no país.

Destaca-se também a pequena penetração da TV por assinatura no mercado brasileiro: apenas 12,7% (Dados de 2009). Porém o setor apresentou um crescimento vertiginoso, de 3,55 milhões de assinantes em 2016, para 12,74 milhões no 3° trimestre de 2020.

Também chama a atenção a queda na participação de mercado da Net, que passou de 49,4% em 2019 para 37% em 2020. A Embratel fez o caminho inverso, e cresceu de 6,5% para 17,9% no mesmo período

Confira os DADOS E ESTATÍSTICAS SOBRE O MERCADO DE TV POR ASSINATURA
NO BRASIL Aqui

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*